Emprego e Desemprego
A ECONOMIA DO MEDO E SUAS CONSEQUENCIAS, O AUMENTO SIGNIFICATIVO DO DESEMPREGO E A REDUÇÃO DO APOIO AOS DESEMPREGADOS (uma opinião contra a corrente)
1 de agosto de 2020
CENTENAS DE MILHARES DE DESEMPREGADOS INSCRITOS NOS CENTROS DE EMPREGO ELIMINADOS DOS REGISTOS SEM DIVULGAÇÃO DA RAZÃO, E O INE ELIMINOU 245.000 DESEM-PREGADOS DOS NUMEROS OFICIAIS DO DESEMPREGO
7 de junho de 2020
O AUMENTO DO DESEMPREGO, O REDUZIDO APOIO AOS DESEMPREGADOS, O ALASTRAR DA MISÉRIA, E A NECESSIDADE DA RETOMA ECONÓMICA COM SEGURANÇA E SEM MEDO
24 de maio de 2020
SÓ NUM MÊS DE CRISE 163.000 TRABALHADORES PERDERAM O EMPREGO, OS 950.000 QUE JÁ ESTÃO EM “LAY-OFF” PERDEM 329,6 MILHÕES € DE REMUNERAÇÕES POR MÊS. POR CADA MÊS DE PARALISAÇÃO DA ECONOMIA O PAÍS PERDE 6,5% DO PIB (13.800 milhões€) SEGUNDO CENTENO
18 de abril de 2020
O DECRETO -LEI 10-G/2020 PERMITE AS EMPRESAS DESPEDIR MILHARES DE TRABALHADORES, A NECESSIDADE DE REORGANIZAR A ECONOMIA DE UM MODO DIFERENTE E DE VOLTAR AO TRABALHO, MAS COM SEGURANÇA, POIS A ECONOMIA NÃO AGUENTA MUITOS MESES ESTA SITUAÇÃO COMO A D.G.S PREVÊ QUE SEJA NECESSÁRIO
30 de março de 2020

Encontre mais publicações disponíveis nas seguintes áreas